CDHU entrega 49 casas para famílias de Embaúba, região de Barretos

09/09/2019 às 13:05:55 | Por: Assessoria de Imprensa

(Divulgação)

A Secretaria Estadual da Habitação, por meio da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), entregou neste domingo (08/09) as 49 unidades habitacionais finais do Conjunto Habitacional Jesus Natalino Peres, para famílias de Embaúba, na região administrativa de Barretos. Nesse empreendimento, 33 unidades habitacionais já haviam sido entregues em janeiro de 2018.


O diretor de Atendimento Habitacional da CDHU, Marcelo Hercolin, falou da alegria em poder entregar essas unidades no dia do aniversário da cidade e do compromisso que essas famílias agora terão com o Governo do Estado. "É importante deixar claro que essas casas devem ser ocupadas da maneira correta, pelas famílias que foram sorteadas. Além disso, os moradores têm um compromisso com o Governo do Estado. Para que possamos continuar com o projeto na cidade, que será a construção de mais casas, é importante que cada um faça sua parte. São casas de qualidade, com toda a infraestrutura, em um bairro novo. São Paulo é o único estado do Brasil que investe dinheiro em habitação. Temos que dar valor a isso", explicou.


O Governo do Estado investiu R$ 9,7 milhões no conjunto. Os imóveis têm 56,67 m², com dois dormitórios, sala, banheiro, cozinha, área de circulação e de serviço. As moradias incorporam melhorias estabelecidas como padrão de qualidade pela CDHU, como piso cerâmico, rodapé em todos os cômodos, caixilhos de aço, cobertura em estrutura metálica, laje, azulejos no banheiro e cozinha, estrutura metálica no telhado, esquadrias de alumínio e aquecedor solar para água do chuveiro.


O empreendimento possui infraestrutura completa: redes de água, de esgoto e elétrica, drenagem, passeio público, pavimentação, muros de arrimo e paisagismo.


Janaína da Silva Lobo Pavan, de 33 anos, contou que esse era um momento muito esperado por toda família. "Estávamos pagando aluguel há muito tempo. É um dinheiro que vai embora e não volta. Agora é um sonho realizado. É algo que é nosso, ter a casa própria não tem preço. Apesar de a condição da antiga casa ser boa, nada se compara com morar na nossa casa. Agora, vamos conseguir fazer melhorias para nossa família", conclui.


As famílias beneficiadas terão prazo de até 300 meses para quitar o financiamento habitacional. As prestações são subsidiadas pelo Governo do Estado e calculadas de acordo com a renda familiar. Quem ganha até três salários mínimos vai desembolsar 15% dos rendimentos. Conjunto Jesus Natalino Peres, 98% das famílias que vão receber as chaves dos imóveis estão nessa faixa. O valor da menor prestação é de R$ 149,70 e o da maior é de R$ 453,61, conforme o rendimento familiar mensal.


Trabalho em Embaúba – Na cidade de Embaúba, já foram entregues, contabilizando as 49 unidades deste domingo, 204 moradias. O programa Cidade Legal, desenvolvido pela Secretaria Estadual da Habitação, atende quatro bairros na cidade, pleiteando regularização fundiária para 116 imóveis. Quando todas essas moradias estiverem regulares, 464 pessoas serão beneficiadas com o recebimento dos títulos de propriedade de seus imóveis.


Trabalho na região – Na região de Barretos, foram 12.416 unidades entregues e estão em obras mais 1.026 moradias. Essas unidades em construção na região representam R$ 89,8 milhões em investimentos, por meio da CDHU.


O programa Cidade Legal atende 15 municípios na região de Barretos. São 98 bairros na região pleiteando regularização, dos quais 24 já foram atendidos São 15.331 imóveis inscritos no Cidade Legal, dos quais 2.083 já foram regularizados. Quando todas essas moradias estiverem regulares, mais de 61,3 mil pessoas serão beneficiadas com o recebimento dos títulos de propriedade de seus imóveis.

Compartilhe com Seus Amigos